SAC (44) 3112-0000

PREVENIR É MAIS FÁCIL

Postado em 16 de janeiro de 2013 por Editorial

A experiência demonstrou, durante muitos anos, que a odontologia curativa (restaurações, extrações, tratamento de canal, etc.) não obteve sucesso no controle das doenças bucais. Em nosso país, os índices de cárie e doença nas gengivas (doença periodontal) são altíssimos, mesmo com um grande número de dentistas por habitante. Somente através da odontologia preventiva conseguiremos mudar este quadro.

Para a prevenção das doenças bucais mais comuns, que são a cárie e doença periodontal, é preciso observar os seguintes procedimentos:

Correta higienização com escova e fio dental;
Consumo inteligente de açúcar;
Uso de selante dental;
Uso correto do flúor, para fortalecer os dentes;
Acompanhamento da saúde bucal pelo dentista.

PORQUE CUIDAR DOS DENTES
Um belo sorriso torna qualquer pessoa muito mais bonita e atraente. Um sorriso é uma chave poderosa que abre as portas para o relacionamento amistoso entre as pessoas. Para se ter um belo sorriso é fundamental ter dentes bem cuidados e saudáveis. Além disso, dentes bonitos estão diretamente relacionados a boa aparência. Uma pessoa pode estar bem vestida, com o cabelo bem cuidado e ser simpática, mas se os seus dentes estiverem estragados, ou tiver mau hálito, ela imediatamente será classificada como uma pessoa de má aparência. Quem já procurou emprego sabe disso; a maioria dos anúncios de jornal pede pessoas “com boa aparência”.

BOAS RAZÕES PARA CUIDAR DOS DENTES
Existem várias razões para que você tenha seu sorriso em alta consideração. Veja alguns bons motivos para você se dedicar a uma boa higiene bucal:

SAÚDE – cuidando dos seus dentes e gengiva você estará conservando sua saúde e bem-estar; Existe uma íntima relação entra a boca e o resto do organismo. Uma infecção bucal pode, pela corrente sanguínea, chegar a um outro órgão que esteja fraco. Bem diz o ditado: “A saúde começa pela boca”.
BOA APARENCIA – você já se deu conta de como é belo um sorriso saudável? A falta de dentes dá à fisionomia um aspecto de velhice precoce, pois eles dão forma e expressão ao rosto e à boca;
RELACIONAMENTO SOCIAL – com bons dentes você verá que é muito mais fácil se relacionar com seus amigos, namorado(a), esposo(a)… Bons dentes e bom hálito significam ter algo a mais no seu relacionamento social;
MAU HÁLITO – cuidando dos seus dentes com atenção e capricho, voe estará evitando o mau hálito que pode transtornar as pessoas com quem você convive;
BOA DIGESTÃO – a digestão começa na boca. Se os dentes estiverem cariados, ou mesmo se houver a falta de algum, não há uma mastigação eficiente, a digestão se tornará mais difícil e todo o organismo poderá ser afetado. Bons dentes favorecem a boa mastigação, esta favorece a digestão e, portanto, uma assimilação mais perfeita e completa dos alimentos. Logo: bons dentes e gengivas sadias são sinônimos de boa nutrição e boa saúde!;
VIDA PROFISSIONAL – você deve saber que a maioria das empresas seleciona, entre os candidatos com as mesmas qualificações, aquele que tenha uma “boa aparência”. Já se deu conta da importância de dentes saudáveis, de um belo sorriso em sua vida profissional?
BOA PRONUNCIA – os dentes são indispensáveis a uma boa dicção.
ECONOMIA – os motivos acima bastariam para você se esforçar em manter sua saúde bucal. Mas, além disso, você ainda faz economia de tempo e dinheiro. Fazendo uma correta higiene bucal você não precisará fazer grandes tratamentos odontológicos, nem ir muito seguidamente ao dentista e, quando for, provavelmente só receberá elogios. Bons dentes valem dinheiro!

No Brasil 50% das pessoas de 40 anos não possuem metade dos dentes. Cerca de 95% dos brasileiros sofre de cárie e doenças na gengiva. A grande maioria dos problemas relacionados aos dentes pode ser evitada com uma escovação adequada e com o uso de fio dental.Um dos períodos mais importantes para fazer a prevenção das cáries é durante a erupção dos dentes, sejam eles “de leite” ou permanentes. Grande parte dos problemas dentários dos adultos, inclusive a necessidade de uso de aparelhos, é causada por perda prematura dos dentes “de leite” quando ainda criança. Por isso, prevenir é melhor, mais fácil, mais inteligente e mais barato.

Referências:
FERNANDES, Marcelo Ramos. Guia Completo da Saúde Bucal. Grupo Saúde e Vida, São Paulo, 2004.
MACEDO, Nelson Luiz de. Manual de Higienização Bucal. Ávila Gráfica e Editora. São Paulo, 1996.
MOSS, Stephen J. Crescendo sem Cárie: Um Guia Preventivo Para Dentistas e Pais. Quintessence Editora Ltda. São Paulo, 1996.

Por  Edmilson Ruelis Rodrigues, CD CRO-PR 6505.

0 Comentários
Deixe o seu comentário!