SAC (44) 3112-0000

OSSOS DO OFÍCIO

OSSOS DO OFÍCIO
Postado em 31 de outubro de 2012 por Redação

Você sabe qual posição de importância seu trabalho ocupa em sua vida? Qualquer que seja ela, não deveria vir antes que sua saúde. Mesmo sendo uma fonte de realização e renda, muitos empregos possuem uma rotina que pode gerar problemas a nossa saúde física e mental, saiba quais são os riscos e como se proteger:

Costas e músculos – Para evitar a má postura, sente-se com as costas inteiras encostadas na cadeira, um apoio de pé e olhos centrados na tela do computador; para prevenir problemas pela repetição de movimentos, realize exercícios preventivos ao menos uma vez por dia.

Olhos – Deve-se evitar fontes de luz que atinjam os olhos diretamente, a luz deve ser regulada e constante. Tratar dos olhos secos com colírio também é importante, especialmente para as mulheres cuja falta de umidade pode ser agravada pelo uso da maquiagem.

Pulmões – O principal culpado pela má qualidade do ar interno nos ambientes de trabalho é o ar-condicionado que pode abrigar vírus, bactérias e ácaros. Para evitar a “síndrome dos edifícios doentes” o jeito é pressionar a administração para que seja feita a manutenção adequada do ar. Sair para tomar um ar fresco sempre que possível também ajuda e, se o calor não for tanto, melhor abrir as janelas.

Silhueta – A falta de atividade física durante o horário de trabalho é uma das grandes causas do aumento da obesidade. O jeito é compensar o tempo sentado com mais exercícios na academia e fazer lanches da tarde mais saudáveis e de baixa caloria.

Coração e cérebro – Esses são os órgãos mais afetados pelo stress advento de jornadas longas, falta de recursos e de reconhecimento no trabalho. Ainda não foi descoberto como acabar com o stress mas algumas atitudes como programar-se para trabalhar em casa um dia da semana, treinar o poder de negociação e encontrar recompensas fora da empresa (qualquer atividade prazerosa como pintar ou cantar) podem ajudar a diminuí-lo.

Imagem: www.shutterstock.com

0 Comentários
Deixe o seu comentário!